Diário Fotográfico #5

boa noite amores, hoje tem mais do diário. eba!!!!
seguindo a sequência com as fotos do nosso amigo do último Diário, posto hoje mais um pedacinho, quer dizer pedação, ou melhor dizendo, da casa do sujeito.

estava um tanto em dúvida de qual imagem utilizar, porém a Fernanda do “Algumas Observações” e do “Escritos Humanos” sugeriu que eu mostrasse o lar onde o senhor. X (xi maria!! esqueci o nome do cara).

e vamos lá??

casa senhor x

Beijos e xeiros, minha gente!!
boa noite!

=)

Diário Fotográfico #4

Olá meus amores, depois do texto melancólico de ontem (meus dias de melancolia são tensos. rsrsrs…), vim postar uma imagem pra o projetinho do Diário Fotográfico.
A foto de hoje, foi resultado de uma tarde de passeio na casa da vó. Estando eu por lá de tricote com minha vó, mainha, tia Ane, tia Vilma e o Marcel, surge uma personalidade um tanto diferente com uma espécie de casa montada tipo num carrinho de vender doces. Pelo que o Thiago, conhecedor do assunto disse,  é que o tal sujeito é esquizofrênico. Ele se embaralhava no meio de histórias que pareciam reais e ao mesmo tempo criadas.

Acontece que, eu acompanhando o rumo da conversa e aproveitando que estava com a minha lindinha (câmera) em mãos, fotografei alguns detalhes que me chamaram atenção sobre e naquela criatura.

P..S.: Não tirei apenas esta imagem. Aos poucos vou revelando mais sobre o sujeito nos próximos diários.

Beijos!!
=)

salmos lore

 

medo que me dá.

medo

como se não bastasse os pequenos buraquinhos em meu coração – lembranças das coisas vividas, alguns anos de história – agora o meu coração vulcânico  insiste no MEDO que me dá. medo de ouvir e falar, rir, chorar. da espera e do partir.
ele vem como uma força que aos poucos me impede de ser aquela menina solta, de cabelo solto, de idéias a toas e boas, de perder o medo da paixão platônica.
é ordem ou é confusão? circulando nas veias ou em rota de colisão?
medo de pedir arrego,  de olhar no fundo. medo medonho de me achar sozinho, de ficar no escuro.
medo de ontem e de hoje, na casa onde ninguém vai!

 

MEME: 10 COISAS QUE EU MAIS GOSTO

Encontrei no “New Romantic” da Evelyn um meme sobre as 10 coisas que mais gosto, e como eu amo fazer essas listinhas, não aguentei…rsrsrsrsrs…

As regras pra participar são as seguintes:

– Divulgar quem passou o meme.
– Postar 10 imagens que representem as coisas que você mais gosta.
– Passar o meme para 10 pessoas e notificá-las.

1. Dormir até tarde (nem precisa dizer mais nada, neh? tem coisa melhor? meu horário é quase trocado. adoro dormir de dia, e ficar acordada durante a madrugada.)

dormir tumbrl

2. Chá (mania que aprendi depois de começar a trabalhar no Matéria Prima.) Lá as nossas tardes são regadas de muita música legal, amigos que nos visitam e chás, de todo tipo e qualidade. rsrsrsrs…

chá

3. Abraços (troco qualquer coisa por um abraço. mais gostoso ainda é receber abraço apertado e demorado.)

abraço

4. Beijo nos Olhos (hum… faça o teste! mas não pode ser de qualquer jeito. o beijo tem que ser no cílios, pra fazer cocegazinhas).

beijo no olho

5. Gente Diferente (principalmente gente que opinião e personalidade sem forçar a barra, sabe?)

diferente

6. Chandelle (esse foi um achado e um dia ainda vai matar do tanto que eu como.)

chandelle

7. Suco de melancia (hum… descobri essa diliça com 13 anos e de lá pra cá, pelo menos uma vez por semana tem que ter aqui em casa. Meu preferido!! Experimenta, vai?!?)

suco-de-melancia

8. Música, música, música (simplesmente eu não consigo viver sem! Ela faz parte desde a hora que eu acordo até o meu sonho. Muito linda a minha relação com a música!)

musica

9. Cachorro (principalmente a minha: Pink) Sempre amei essas pequenas e pestes criaturas, e depois que ganhei uma, minha nossaaa!!! muita alegria.

cao

10. Cheiro de Grama (ahhhhhhhh… cheirinho de grama é uma delícia, e recém cortada, é melhor ainda. não só pelo cheiro em si, mas por todas as lembranças boas que tenho relacionado a ela.)

grama

Agora vou listar os blogs que eu indico para repetirem o meme. Espero que se divirtam!

fe-lys e triste
laurinha
larissa brandão
só-risos
 deyse fontes
 jaice cris

ele

casal

chegou de mansinho, bem devagarinho
escolhendo canções
somando visão, olfato e paladar
misturando gosto com cheiro, som com vibração.
me fala das cores, brinca com os olhos
sua voz e seus dedos nas cordas do violão
são que nem tom de sussurro.
derramam poesia.

 

 

  1. sobre o Moço que faz morada aqui.
  2. talvez pelo buraquinho, invadiu-me a casa, tomou o meu coração e sentou na minha mão como diz a canção de “Os Novos Baianos”.
  3. imagem extraída do site da Jana Magalhães, uma ilustradora carioca, que ama fazer retrato das pessoas. .

Diário Fotográfico #3

A noite de pouco sono me deu fome, e como prometido para o ano de 2013 uma vida mais saudável, resolvi adiantar o processo. O que não foi nada fácil, porque enquanto via essa maçã na cestinha de frutas, do outro lado estava um sacola linda de pão e uma manteiga loirinha me convidando (vem…)

enfim, optei, toda tristonha pela maçã. e olha a cara dela de feliz olhando pra mim!! (que prosa!)

DSC_7476-2

Feliz Novo Ano!

ano-novo

2012 começou cheio de coisas boas. Comecei o tão esperado 5º semestre, foi o ano em que eu decidi me “jogar” e mergulhar nesse universo lindo da fotografia. tive os meus primeiros clientes, segundos, terceiros e quartos… por aí vai. (um tanto feliz!), comecei o ano amando pessoas diferentes, pensando em fazer coisas diferentes, com vontade de conquistar coisas maravilhosas. Com coração cheio de amor e alegria.
Senti!
Vivi!
Esperei!
Acreditei!
Desacreditei!
Sofri!
Aborreci!
Emudeci…

foi cheio de coisas boas, e outras um pouco tristes, mas pra o fim dele, recebi um presente “goxtoso” do Paim do Céu, que tem me deixado um tanto feliz!!

enfim…

me despeço dele (ano de 2012) na alegria e certeza de que aproveitei cada minuto que a vida me ofereceu, e percebo que os meus desejos pra o próximo ano são menores que a lista que fiz no ano passado, mas não tenho dúvida, são muito mais sinceros. e são deles que quero viver os 365 dias que virão, é claro, se o Pai assim permitir.

hum…

então me despeço com uma oração linda cantada pela Ceumar:

Não permita Deus que eu morra
Sem ter visto a terra toda
Sem tocar tudo que existe
Não permita Deus que eu morra triste
Dai – me a graça de viajar de graça
Por essa esfera afora
De virar uma linda senhora
Uma linda lenda
Tecer cada fio da renda
Contar cada cacho
De cabelo de anjo
Transformá-lo num bonito arranjo
Da mais bela canção
Não permita Deus que eu me vá
Sem sorver esse guaraná
Sem espalhar meu fogo brando
E acalmar a brasa do mundo
E aquecer mais uma vez
O coração do universo
Nas contas do meu terço
Nas cordas do meu violão

Diário Fotográfico #2 -> Passarinho, que som é esse?

Tem coisa mais gostosa que o som de flauta? Seja ela doce ou transversal. É lindimais!
Sou apaixonada por música, por liberdade. E é isso que eu vejo na flauta: O som doce de liberdade!

Flauta é som de silêncio,
é barulhinho do mar.

E como dizia Noel Rosa: “Quando eu morrer, não quero flores, nem coroa de espinho, quero ouvir o choro de uma flauta, violão e cavaquinho.

A foto do Diário de hoje é um presente lindo que ganhei ontem, de alguém um tanto especial.
Enfim…
beijos e cheiros, meus amorinhos!!
e
Feliz Natal!!
DSC_7124